Portal Social é premiado pela Fundação Getúlio Vargas

Projeto da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social foi criado para unificar os cadastros dos Programas Sociais do Estado de São Paulo

imagem

Portal Social é premiado pela Fundação Getúlio Vargas

imagem

Portal Social é premiado pela Fundação Getúlio Vargas

O Projeto “Expansão do Portal Social Paulista (PSP) – Sistema de Monitoramento & Avaliação, da Secretaria de Desenvolvimento Social de São Paulo (SEDS), foi selecionado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) entre os três melhores programas, dos dez apresentados na conclusão do Curso de Formação para Gestores Públicos em Monitoramento e Avaliação (ForMA) para o Governo do Estado de São Paulo.

Participaram do curso os servidores João Rafael Calvo, coordenador de Gestão Estratégica (CGE) da SEDS; João Gomes, especialista em políticas públicas da Secretaria de Planejamento e Gestão, designado para a SEDS; e Maria Isabel Cunha, ex-coordenadora da Escola de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo (Edesp). A expansão do PSP, projetada para gestão de programas sociais de outras secretarias, conta também com o apoio da Secretaria de Planejamento e Gestão.

A cerimônia de premiação aconteceu no dia 29 de maio, no Palácio dos Bandeirantes, e contou com a presença dos servidores, docentes da FGV, gestores e técnicos estaduais.

O Portal Social Paulista (PSP) foi criado pela SEDS em 2016 com a estratégia de unificar os cadastros dos Programas Sociais do Estado de São Paulo, e tem sido utilizado para realizar a seleção de beneficiários de três programas sociais: Renda Cidadã, Ação Jovem e Vivaleite. A seleção dos beneficiários é feita com base no Cadastro Único do Governo Federal (CadÚnico), alimentado pelos municípios, atuando de maneira assertiva para o bom desenvolvimento da política de assistência social no Estado de São Paulo.

Com 50 participantes, carga horária de 114 horas, o curso abordou os tópicos mais relevantes no tema, como a elaboração de marco lógico, construção e análise de indicadores e metodologias quantitativas e qualitativas de avaliação, proporcionando aos gestores públicos metodologias e conceitos relacionados a indicadores e sistemas de monitoramento e avaliação de programas.

O curso foi ministrado por membros da FGV/EESP Clear e professores convidados. Os três projetos premiados foram selecionados por uma banca de professores da FGV. Para a professora Amanda Arabage, o uso dos conceitos e conteúdos abordados durante o curso, o próprio desenvolvimento do projeto, a factibilidade para implementação futura e relevância foram alguns dos critérios utilizados para a premiação.

De acordo com o coordenador de Gestão Estratégica da SEDS, João Rafael, “o prêmio referendou o Portal Social Paulista como um projeto capaz de ser implantado e principalmente objetiva uma maior eficiência das políticas públicas desenvolvidas pelo Estado de São Paulo”.

“O curso contribuiu para estruturar na expansão do Portal Social Paulista para outras Secretarias do Estado, propiciando uma maior integração entre as políticas sociais do Governo. Esperamos que a premiação possa contribuir para a manutenção e o fortalecimento deste projeto, tanto pela SEDS, como pela Secretaria de Planejamento e Gestão”, destacou o especialista em políticas públicas, João Gomes.

O secretário de Estado de Desenvolvimento Social de São Paulo, Gilberto Nascimento, reconhece a importância do prêmio, em especial pela modernização, tecnicidade e eficiência do Portal Social. “Trata-se de um projeto pioneiro com foco na sistematização das informações auxiliando nos diagnósticos e implementação de políticas públicas voltadas às famílias que vivem em situação de vulnerabilidade social no Estado de São Paulo”.

Participaram também do curso e apresentação do projeto “Expansão os servidores Adriano Alexandr Sundefeld, da Secretaria de Governo e Leila Tendrich, secretaria de Planejamento e Gestão.

Voltar para o topo